Por que os economistas erram

O Antagonista está convicto de que 2016 será pior do que 2015.

No início do ano passado, uma centena de economistas previa crescimento zero e inflação de 7,5% para 2015. Nós afirmamos que o crescimento seria negativo e a inflação atingiria dois dígitos. Acertamos.

Hoje, os mesmos economistas afirmam que 2016 será menos ruim do que 2015. Vão errar de novo.

Como esses economistas trabalham, na maioria, em consultorias, eles não querem afugentar investidores. A realidade geral é, então, administrada aos clientesna base do conta-gotas.