Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Presidente da CAE diz que privatização dos Correios ficará para 2022

Segundo o senador Otto Alencar, o governo precisa apresentar aos parlamentares os dados que comprovem o eventual passivo da empresa que obriga que o valor de venda seja baixo
Presidente da CAE diz que privatização dos Correios ficará para 2022
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Otto Alencar (foto), presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, afirmou ao jornal Valor Econômico, que o projeto de lei que autoriza a privatização dos Correios não será pautado em plenário em 2021. Com isso, o texto só deve ser votado em 2022.

Segundo ele, o governo precisa apresentar aos senadores os dados que comprovem o eventual passivo da empresa que obriga que o valor de venda da empresa seja baixo.

“Não vai mais para o plenário este ano. Eu não vou botar para votar na CAE. Fica só para o ano que vem, se é que vai ter condições. O que chama atenção: o valor de venda dos Correios é quase o lucro anual da empresa. Eles [governo] ficam alegando que esse valor baixo se deve ao passivo trabalhista da empresa, mas sem demonstrar esse passivo. É preciso que eles mostrem esse passivo”, disse.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....