ACESSE

Presidente da Petrobras critica quase-monopólio do refino

Telegram

O novo presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, disse não ser “concebível” que apenas uma empresa –a própria estatal– tenha 98% da capacidade de refino do país, registra a Folha.

Castello Branco deu a declaração em entrevista para um canal interno da companhia, à qual a agência de notícias Reuters teve acesso.

Ao tomar posse na semana passada, o presidente da estatal já havia afirmado que “o relevante é ser forte, não ser gigante” e que monopólios são inadmissíveis em sociedades livres.

Será que o novo presidente se dobrará à velha política? Entenda aqui

Comentários

  • ADRIANO -

    Quem pratica estelionato eleitoral é o PT,MDB, etc. Espero que o presidente Bolsonaro mantenha suas promessas de campanha. O Estado mínimo e eficiente. O voto é a chave. Não presta a gente elimina

  • Homemcomum -

    Privatiza esta estrovenga, ou abre o mercado de refino e vamos ver se os barnabés da petrossauro são competetentes!!!

  • Ruiter -

    Basta quebrar a legislação e permitir que a Shell, Exxon, Texaco, Mobil e outras possam refinar. Hoje podem, mas a legislação é proibitiva. Quebrem a legislação que o monopólio é quebrado.

Ler 46 comentários