Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Prévia da inflação tem alta de 1,17% em novembro, maior taxa desde 2002

Aumento do IPCA-15 foi influenciado pelo preço da gasolina, que registrou elevação de 6,62%. No ano, o combustível encareceu 44,83% e, em 12 meses, 48%
Prévia da inflação tem alta de 1,17% em novembro, maior taxa desde 2002
Foto: Rodrigo Freitas/O Antagonista

Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), divulgado há pouco pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), teve alta de 1,17% em novembro. Essa é a maior variação para o mês desde 2002, quando o índice foi de 2,08%.

No acumulado no ano, o IPCA-15 chegou a 9,57% e, em 12 meses, de 10,73%. Segundo o IBGE, Todos os nove grupos de produtos e serviços pesquisados tiveram alta em novembro.

A maior variação foi registrada em transporte (2,89%). Em seguida, vieram habitação (1,06%) e saúde e cuidados pessoais (0,80%),

O aumento dos transportes foi puxado pela alta nos preços da gasolina (6,62%). No ano, o combustível encareceu 44,83% e, em 12 meses, 48%. O índice também registrou encarecimento  do óleo diesel (8,23%), do etanol (7,08%) e do gás veicular (2,59%).

Também registraram elevação os preços dos automóveis novos (1,92%) e usados (1,91%) , assim como os preços das motocicletas (1,26%). No caso dos transportes por aplicativo, a alta foi de 16,23%, que já haviam subido 11,60% no mês anterior.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO