Previdência: “Será muito difícil”

Rodrigo Maia, presidente da Câmara, acaba de afirmar, ao chegar a um evento na Fiesp, que será muito difícil votar a reforma da Previdência na próxima semana.

“Vamos continuar trabalhando.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Treco disse:

    . Mau caráter !!! . Esse genocídio contra os idosos brasileiros não pode e não vai ser aprovado ! . PMDB fechou questão a favor da sentença de morte aos velhinhos, e se precipitou pois sequer será votada esse ano ! . Vai pagar muito caro por isso em 2018, podem esperar !!! . Sem foro privilegiado vão tudo pra cadeia !!! .

Ler comentários
  1. Suspendam esse recesso. Coisa de vagabundo! Por quê essa gente tem 60 dias de férias por ano e só trabalha de terça à quinta-feira? disse:

    O Rodrigo Maia deveria cancelar o recesso de fim de ano do Congresso. É uma safadeza essa gente tirar um mês de férias e o Brasil ficar sangrando esse tempo à espera dos marajás retornarem dos seus spas no Caribe, Europa, Miami, Maldivas... Depois das férias, em 2018 esses bandidos vão dizer que não poderão votar nada porque é ano eleitoral.

    1. Ué... mais quem tem privilégio não é o servidor?

  2. Você acredita na reforma da Previdência? Vejam o que os canalhas do mercado fazem....você nunca mais irá se aposentar! disse:

    11 de dezembro de 2017 às 12:22 Corte em faculdade afetou a imagem das reformas – A demissão de 1.200 professores anunciada na terça-feira (5) pela Estácio,segunda maior instituição de ensino superior do país, prejudica a imagem da reforma trabalhista e pode atrapalhar os esforços pela reforma da Previdência. FOLHA 11/12/2017 02h00 – Atualizado às 08h47

  3. Jota disse:

    REVISTA VEJA EDIÇÃO 2560... DINAMARCA 74 anos... MENTIRA VERGONHOSA. NADA COMO MILHÕES BEM DISTRIBUÍDOS PARA FABRICAR MENTIRAS.

  4. Celsius disse:

    . Esta reforma só beneficia os RICOS. . Esses vagabundos políticos e os outros ricos tem média de vida muito maior do que o restante da população. Afinal com dinheiro sobrando podem pagar excelentes hospitais e os melhores médicos, além de se alimentar melhor. . Portanto, vão usufruir muito mais da aposentadoria. . Enquanto a classe média e pobre usa hospitais públicos cada vez piores, se alimentam mal, morrem mais cedo, aos 60 anos não conseguem mais empregos (a aposentadoria será para depois dos 65 anos), ficam mais pobres e acabam morrendo mais ainda. . É isto que estes políticos canalhas e outros picaretas querem, QUE OS VELHOS POBRES MORRAM. .

  5. Celsius disse:

    . O Cabo Daciolo arrasa com a farsa do rombo da previdência: . https://www.youtube.com/watch?v=kgfjDJyyWro . Este é o Garotinho acabando com a farsa do rombo da previdência antes de ser preso. . https://www.youtube.com/watch?v=jvTePEw6eyQ . só errou no quesito diferença de idade para homens e mulheres, tudo tem que ser igual, ninguém deve possuir mais benefício do que outros. Não aceitamos injustiças. . Aliás, dizer que mulher tem jornada dupla é uma tremenda mentira. Conheço muitos homens que moram só e limpam a casa e conheço muitas mulheres que nunca pegaram em uma vassoura. Muitas mulheres possuem empregada em casa, lavar uma louça nunca foi jornada dupla, nada a ver. E não interessa o que se faz em casa. .

  6. Vai ser difícil! disse:

    Breve teremos um governo responsável que exporá as reais condições dessa pasta, guardada a vinte chaves com Meirelles no min. fazenda. Coincidência? O homem de segurança do governo Lula, segurança do grupo J&F e agora Temer e PSDB. O ministro Flex até ensaia uma candidatura. É... o país está mesmo sem recursos. Né não?

  7. Você acredita na reforma da Previdência? Vejam o que os canalhas do mercado fazem....você nunca mais irá se aposentar! disse:

    Corte em faculdade afetou a imagem das reformas - A demissão de 1.200 professores anunciada na terça-feira (5) pela Estácio,segunda maior instituição de ensino superior do país, prejudica a imagem da reforma trabalhista e pode atrapalhar os esforços pela reforma da Previdência. FOLHA 11/12/2017 02h00 - Atualizado às 08h47

    1. COINCIDÊNCIA OU ITAU E BRADESCO com olho gordo no DINHEIRO DA PREVIDÊNCIA? disse:

      www.valor.com.br/brasil/.../maior-risco-hoje-e-nao-aprovar-reformas-afirma-meirelle... 18 de abr de 2017 - "No momento em que resolvermos problemas de regulação, estruturais, e criarmos condições de financiamento, isso cria oportunidades", disse em evento promovido pelo Itaú Unibanco em São Paulo.

    2. Previdência: Trabuco está otimista - O Antagonista https://www.oantagonista.com/economia/previdencia-trabuco-esta-otimista/ 27 de nov de 2017 - Luiz Carlos Trabuco, presidente do Bradesco, almoçou hoje com Henrique Meirelles e saiu do encontro otimista com a aprovação da reforma da Previdência. “Os mercados compraram, pelo menos, uma sinalização até o fim do ano. O Congresso tem o seu rito”

    3. LULA TERÁ JATINHO NOVO PARA CAMPANHA DE 2018 O Antagonista apurou que o ex-ministro Walfrido dos Mares Guia está comprando um Citation XLS+ (Cessna 560), jato executivo de aproximadamente US$ 10 milhões. . Walfrido é dono da Kroton, que tentou comprar a Estácio, que curiosamente demitiu 1.200 funcionários para difamar a reforma trabalhista e dificultar a da previdência. . Folha de S.Paulo - 11/12/2017 A demissão de 1.200 professores anunciada na terça-feira (5) pela Estácio, segunda maior instituição de ensino superior do país, prejudica a imagem da reforma trabalhista e pode atrapalhar os esforços pela reforma da Previdência. A opinião é do empresário Chaim Zaher, que até agosto era o maior acionista individual da Estácio, antes de vender as suas ações.

  8. REFORMA DA PREVIDÊNCIA : Sua aposentadoria nunca sairá! disse:

    Estácio de Sá demite 1,2 mil professores após reforma trabalhista FOLHA MERCADO - E essa a REFORMA que garantiria empregos? A previdência vai garantir a aposentadoria?

  9. SENADO COMPROVA: REFORMA DA PREVIDÊNCIA é um GOLPE contra POVO BRASILEIRO. disse:

    Por unanimidade, foi aprovado nesta quarta-feira (25) o relatório final do senador Hélio José (Pros-DF) sobre os trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Previdência.O relatório aponta erros na proposta de reforma apresentada pelo governo; sugere emendas à Constituição e projetos de lei; além de indicar uma série de providências a serem tomadas para o equilíbrio do sistema previdenciário brasileiro, como mecanismos de combate às fraudes, mais rigor na cobrança dos grandes devedores e o fim do desvio de recursos para outros setores.O relator PEDE a cobrança da dívida ativa da Fazenda Pública e atualiza e moderniza a execução fiscal. SENADO NOTÍCIAS : Da Redação | 25/10/2017, 17h35 - ATUALIZADO EM 25/10/2017, 20h11

    1. "Revista Veja" Esse papinho ridículo de envelhecimento populacional é coisa de otário. . claro que a população acaba envelhecendo na média a medida que a mesma evita ter filhos. Cada vez nascem menos filhos, aí a média aumenta, é lógico. . Porém não tem nada a ver com média de vida da população, isto eles escondem, ou seja a média de vida da população pode até mesmo ter abaixado, principalmente devido ao aumento da criminalidade. . Veja se a imprensa toca neste assunto? Veja se dão os números da média de vida? . SÓ OTÁRIO ACREDITA. .

    2. Pobres dinamarqueses. Vivem em uma das nações mais prósperas do mundo, mas precisam trabalhar por anos a fio. Em Copenhague, um jovem que tenha acabado de conquistar seu primeiro emprego deverá se aposentar apenas aos 74 anos de idade. Italianos e holandeses recém-formados também terão de trabalhar até depois dos 70 anos. São sinais dos tempos, consequência do dramático envelhecimento populacional. . Em outubro passado, foi aprovado no Senado brasileiro, por unanimidade, o relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito da Previdência, cuja principal conclusão foi que não existe déficit previdenciário! Aos pobres dinamarqueses, condenados a trabalhar além dos 70 anos, não ocorreu a ideia de criar uma CPI para provar por A + B que tal infortúnio seja desnecessário.

  10. Adalberto Pires da Anunciação disse:

    Cedo ou tarde, a reforma da Previdência será aprovada, Antagonistas. Fiquem ranquilos, Não se preocupem. A torcida feroz de vocês contra ela já se encarregou de garantir a sua aprovação...

    1. esse não sabe nem ler, tem que desenhar para ele pessoal, e ligar os pontinhos

  11. murilo disse:

    Tá na cara que vão pedalar para 2018, não tem voto. Podiam aproveitar e fazer um debate sério sobre o tema, com pessoas a favor e pessoas contrárias, certamente chegaríamos a um bom termo.

  12. PM disse:

    Canalha mentiroso. Está comprando a câmara toda pra o Temer. Dinheiro pra saúde, educação e segurança não tem. Mas tem pra emendas dos corruptos. PMDB NUNCA MAIS!

  13. Olho vivo disse:

    Não acredito em uma palavra que os representantes deste governo corrupto e mentiroso fala. Faz parte da tentativa de manipulação. As redes socias estão em alerta. Olho vivo.

    1. Alguem que se encontra na calada da madrugada com um, segundo ele mesmo, notorio bandido merece QUALQUER credibilidade? AINDA MAIS DEPOIS DE SER GRAVADO COMETENDO CRIMES? ONDE ESTA A AUDITORIA NA PREVIDENCIA? DEVEMOS ENTÃO ACREDITAR NESSE GOVERNO COMO UMA QUESTÃO DE FÉ?

  14. Cícero disse:

    A população está envelhecendo. As pessoas estão vivendo mais e nascendo menos. A Previdência tem que se adequar à realidade. Já passou da hora. . Existe uma razão moral e uma prática para a reforma da Previdência. O sistema é ao mesmo tempo injusto e insustentável. . Injusto com os trabalhadores da iniciativa privada, e insustentável para as contas públicas. O país não tem condição financeira de manter tantas vantagens ao setor público.

    1. A reforma da Previdência é uma urgência dupla. Demograficamente, o sistema hoje é uma inviabilidade prática. Em 1980, cada brasileira tinha 4 filhos e a expectativa de sobrevida aos 60 anos era de 15 anos. Hoje, a fertilidade é de 2 filhos e a sobrevida aos 60 é de 22 anos. Ou seja: estão nascendo menos brasileiros e os idosos, que antes viviam até os 75, agora vivem até os 82. . Mas há outro aspecto essencial: a justiça social. Existem duas previdências no país. A dos trabalhadores da iniciativa privada, que recebem benefícios que mal passam de 5.000 reais, e a dos servidores públicos, que se aposentam com salário integral de até 33.000 reais - e ainda são inúmeros os casos dos que ganham acima desse valor. . Isso mostra que a reforma é um imperativo financeiro e um imperativo moral.