Problema do Brasil ‘não é o Twitter’, diz secretário de Guedes

O secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, afirmou que o problema no Brasil “não é o Twitter”, relata o Estadão.

Foi uma referência ao uso da rede social por Jair Bolsonaro e seus filhos, que vem gerando ruídos no governo.

No evento de que participou em São Paulo, Sachsida insistiu que os problemas observados hoje são oriundos de “políticas econômicas e fiscais desastrosas” entre os anos de 2007 e 2016, com o PT no poder federal.

“Se nesse período o governo tivesse queimado dinheiro, teria sido melhor”, disse o secretário.

Redução de pena no STJ é combustível para mais uma narrativa petista. CONFIRA

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Presidente-XVII disse:

    O problema do Brasil: ministros do STF que arruínam a instituição; a parte corrupta, esquerdista, e fisiológica do congresso; e partes da mídia mainstream, que faz vista grossa a isso tudo.

Ler comentários
  1. Gabriel disse:

    Quem não sabe ler entende que o cara tá contra Bolsonaro, e essa é a maioria, que não sabe ler.

  2. WILTON disse:

    Este SERIA o Ministro da Economia, antes de "aparecer" o Paulo Guedes.

  3. Regildo disse:

    Queimar dinheiro, o PT não queimou. Mas roubar o Erário sim, o PT roubou muito! E aí o dinheiro acabou!

  4. Claudia disse:

    Pela mudança radical do discurso a favor do congresso levou bronca do Guedes para não prejudicar a reforma chegando até a elogiar Maia, mas desequilibrado não para, breve volta aos surtos

  5. Angela2 disse:

    Problema do Brasil é a esquerda, o centrão e o STF!!!!

    1. O problema é ter colocado um miliciano para governar o Brasil.

  6. Rose disse:

    Petralhas sabem como destruir qualquer coisa. Quanto o assunto é dinheiro, eles não destroem, mas devoram, o que dá no mesmo.

    1. O que dizer do miliciano e laranja Bozo e seus filhos a 27 anos recebendo propina de assessores.

    2. Sabe aquela piada, uma terra maravilhosa e abençoada, mas com um povo minúsculo para compensar. Acreditar que rede social trava governo só por ser ignorância ou desonestidade.

  7. Adilson disse:

    Os antas infelizmente estão jogando sua reputação no lixo, tentaram distorcer a notícia descaradamente. Lamentável!

  8. Juliana disse:

    Essa imprensa canalha, v@gabunda e covarde não tem limite para maldade, que nem a mentira que o laudo jardim que o deputado marcel van hattem falou que o bolsonaro fala muita merd@, marcel desmentiu

    1. Os Antas não desmentem nada, por sinal, tenho gravado em arquivo 3 fake news que ele apagaram durante a campanha eleitoral. Sempre foram isso, o povo brasileiro que é demasiado inocente.

    2. Os Antas já desmentiram ou preferem ficar na Fake pros bobocas risonhos?

  9. katia disse:

    BEM feito Boa resposta , durmam com essa.

  10. Renato disse:

    Sinceramente, também não vejo esse problema todo com twitters. É como fofoca antigamente. É só não ligar se alguém dá uma opinião ou mesmo posta algo esquisito.

    1. O Twitter é a rede social de menor credibilidade, é terra sem lei. Um monte de perfis anônimos atacam em turbas e escrevem os maiores impropérios. Nunca deveria ser pauta de jornalismo sério.

  11. DireitaMassiva disse:

    Se falar algo contra...será queimado pela Carlota!!! Alo, Carlota? Tá lendo?

  12. Reconquista+ disse:

    As redes sociais não são o problema, são a solução! São o desespero dos políticos e impressa desonestos que não poderão mais enganar nem tanger o gado. O gado libertou-se conhecendo a verdade

    1. Está acontecendo em todo mundo livre Ocidental. Começou na revolução da informação, estão colocando em prova décadas de estudos em engenharia social. A internet serve para o bem e para o mau.

    2. Exatamente ; o que boa parte da mídia está fazendo com Bolsonaro e o Brasil é repugnante.Até este site.Qualquer sujeito que responde por corrupção pode falar contra que recebe destaque

  13. REALISTA disse:

    Óbvio que o Twitter não é o problema do país. O Twitter não posta nada sozinho, da mesma maneira que uma arma também não atira sozinha.

  14. Chrisoula disse:

    Não é o twitter, mas são as besteiras que são ditas nele. Quanto aos anos petralhas, é verdade: quebraram o país !

    1. Pergunta para o Guedes o fundo de pensão que ele roubou será que ele não faz parte dos que quebraram o país.

    2. Besteiras são ditas por muita gente, mas selecionam apenas alguns para cristo e muitas vezes sem contar toda a história. Impressionante cair nessa pataquada, sabendo como o twitter é uma zona.

  15. Paulette disse:

    São as fofoqueiras de plantão tipo GLOBOLIXO Sadi e afiliadas tipo "Antas Jacobinas".

    1. O que o Antagonista está mesmo querendo? Sabe quem são as figuras e insiste em querer desacreditar o Capitão.Tem alguma coisa a ver com a queda do Bebiano, Mainardi?