Quebrando a cara

“Se alguém apostar na valorização do dólar, vai quebrar a cara. Somos poderosos nessa área”.

A frase é dele – o poderoso Guido Mantega. Foi pronunciada em outubro de 2014, pouco antes da vitória eleitoral da poderosa Dilma Rousseff.

A Veja online tratou de fazer umas contas:

“Quando Mantega disse isso, a moeda americana era cotada em 2,43 reais. Nesta quarta-feira, chegou ao patamar de 3 reais, pela primeira vez em mais de uma década. Quem fez o contrário do que o ministro Mantega pregou se deu bem. Alguém que tenha comprado 1 000 dólares no dia da entrevista, por exemplo, lucrou 570 reais de lá para cá”.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200