Querem queimar as reservas

As reservas em dólar ainda não foram afetadas pela crise, mas o populismo lulista não desiste. Gerson Camarotti informa que, para reaquecer a economia com o crédito fácil conforme queria Lula, auxiliares de Dilma defendem o uso de um terço dos US$ 360 bilhões em caixa.

Há algumas semanas, Gustavo Franco, ex-presidente do Banco Central, chamou alternativas do tipo de tolice tóxica.

Levy é contra, ou o dólar dispararia assustadoramente. Mas esse argumento não deve desanimar quem andou escondendo dinheiro no exterior.

Faça o primeiro comentário