Recordes de calote e falência

Com mais dificuldades para colocar as contas em ordem na crise, as empresas bateram recorde de pedidos de recuperação judicial e falência no ano passado e o pior ainda não passou. Com o aprofundamento da recessão, esses números vão se deteriorar ainda mais. De acordo com a Boa Vista Serviços, a inadimplência de pessoas jurídicas deve terminar o ano em 5%. Se confirmado, será o maior patamar da série histórica, iniciada em março de 2011.

Faça o primeiro comentário