ACESSE

Reformar Previdência não garante retomada, dizem ex-presidentes do BC

Telegram

Três ex-presidentes do Banco Central disseram que aprovar a reforma da Previdência é fundamental para o país, mas insuficiente para garantir a retomada sustentável do crescimento, informa a Folha.

Armínio Fraga, Henrique Meirelles e Ilan Goldfajn participaram hoje, no Rio, de um seminário sobre os 20 anos do regime de metas de inflação. Os três também defenderam a aprovação de uma lei para garantir a autonomia do BC.

“A reforma da Previdência tira peso, mas não dá para a gente olhar ela isoladamente. Tem várias outras questões, elementos que têm que estar dentro do pacote”, disse Goldfajn, que presidiu o BC até Roberto Campos Neto assumir, em fevereiro deste ano.

“É evidente que não é a única coisa. Isso é uma base para dar estabilidade fiscal”, afirmou Meirelles.

Armínio, por sua vez, declarou que “seria um grande avanço aprovar essa reforma, especialmente com os números que estão sendo considerados”, mas concordou que, sozinha, ela “não resolve o problema”.

 

Seus comentários exibidos em destaque em O Antagonista, formando a comunidade dos leitores mais bem informados do Brasil. Leia mais

Comentários

  • Virgolino -

    A estrada é longa , o trajeto e tortuoso e não definitivo, mas temos de dar o primeiro passo, indecisos costumam a não chegar a lugar algum !!

  • Juliana -

    É o início de um processo que se Deus quiser vai tornar o país economicamente equilibrado.

  • CAM -

    Apenas um desinformado pensa que essa reforma é a soluçao. O problema é não haver a reforma.

Ler 64 comentários