Só dez estados na reforma

O governo pode incluir na reforma previdenciária apenas os dez estados mais quebrados.

Segundo O Globo, a regra que está em estudo “prevê a adesão automática de entes com dívida igual ou superior a 70% da receita corrente líquida (disponível para gastar) apurada em 2017 e percentual de idosos na população igual ou maior que 10%”.

Os estados nessa categoria são: Acre, Alagoas, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Comentários

  • Fabricio -

    Muito bom. Deixem os governadores demagogos do nordeste se virarem. Só não venham trazer a conta para a união no futuro.

  • Gonçalo -

    Sem os estados essa reforma vai ser meia boca. De que adianta os estados ficarem de fora se toda vez que quebram se socorrem no governo federal? Isso tem que acabar.

  • Evandro -

    Tem que ser para TODOS, sem distinção ou privilégios. Tem que dar um basta nesse sistema que privilegia poucos, e cobra muito dos trabalhadores para sustentar "castas privilegiadas".

Ler 10 comentários