TCU confirma fraude na Fazenda na época de Mantega

Auditoria do TCU confirmou irregularidades na execução de um contrato entre a Fazenda, na época de Guido Mantega, e uma prestadora de serviços de comunicação.

O caso foi revelado pela Época em 2013. Uma secretária da contratada, a Partnersnet, acusou o chefe de gabinete de Mantega, Marcelo Fiche, e o chefe da assessoria técnica, Humberto Alencar, de receberem propina da empresa.

A denúncia não impediu o TSE de contratar a Partnersnet dois anos depois, conforme revelado por O Antagonista.

Na auditoria do contrato com a Fazenda, julgada nesta semana, o TCU calculou em R$ 1,6 milhão o dano aos cofres públicos.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Só isso? Então o cara é exemplo de honestidade no meio desse desertão de pessoas honestas!… Não tem nada mais importante pra fazer, como analisar os contratos de financiamentos da era Lula-Dilma? São alguns bilhões em condições até agora desconhecidas.

Ler mais 8 comentários
  1. Só isso? Então o cara é exemplo de honestidade no meio desse desertão de pessoas honestas!… Não tem nada mais importante pra fazer, como analisar os contratos de financiamentos da era Lula-Dilma? São alguns bilhões em condições até agora desconhecidas.

  2. O TCU, passado todo esse tempão, vem a público dizer que descobriu UMA IRREGULARIDADE na gestão de Mantega no Min. da Fazenda.
    Devem estar de gozação com o povo.

  3. Onde tem petralha tem assalto.
    Antigamente sem armas agora com fuzis
    É o desemprego de petralhas.
    Luladrão teu lugar é na prisão!

Os comentários para essa notícia foram encerrados.