Previdência: Temer está convicto da idade mínima

Em reunião com líderes da base na Câmara, mais cedo, Michel Temer disse estar convicto de que a reforma da Previdência será aprovada com a idade mínima de 65 anos – ponto da proposta considerado fundamental e que praticamente não enfrenta resistência no debate.

O presidente, porém, anda se acostumando com a ideia de amenizar as regras para a aposentadoria rural e para os policiais.

São cada vez menos fortes as convicçōes previdenciárias de Temer.

Faça o primeiro comentário