Parler processa Amazon e pede à Justiça para voltar ao ar

Parler processa Amazon e pede à Justiça para voltar ao ar
Foto: succo/Pixabay

A Parler processou a Amazon nesta segunda (11), alegando que sua suspensão do serviço de hospedagem violou a lei antitruste e o contrato entre as empresas. A reportagem é do The Hill.

A Parler, rede especialmente popular entre militantes de extrema-direta, pediu à Justiça Federal para ordenar que a plataforma volte ao ar.

A petição foi entregue à Corte do Distrito de Seattle, sede da Amazon.

A Parler acusa a Amazon Web Services (AWS) de aplicar ‘dois pesos e duas medidas’, em comparação, por exemplo, a redes mais ‘mainstream’, como o Twitter.

“A decisão da AWS de na prática encerrar a conta da Parler é aparentemente motivada por ânimo político”, diz a petição.

Leia mais: Crusoé procurou psicólogos e psiquiatras para entender o comportamento do presidente à luz dessas ciências
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 26 comentários
TOPO