ACESSE

A aproximação entre universidades de Israel e da Arábia Saudita

Telegram

Pela primeira vez, um pesquisador da Arábia Saudita publicou um artigo em um jornal científico de Israel, informa a Crusoé.

O estudo de Mohammed Ibrahim Alghbban, diretor de estudos hebraicos na Univerdidade Rei Saud, em Riad, saiu na última edição da revista Kesher, da Universidade de Tel Aviv.

“Certamente o professor saudita teve autorização do regime para publicar o artigo. Seria impossível publicar isso sem um consentimento oficial”, diz o historiador militar israelense Shaul Shay, que já foi do Conselho de Segurança de Israel.

“Trata-se de algo totalmente raro e de enorme importância. Se isso tivesse acontecido há uma década, o professor provavelmente estaria arriscando a carreira ou a vida”, completou.

Leia a reportagem completa aqui.

Leia mais: Comprovação do elo entre a Presidência da República e o gabinete do ódio complica Bolsonaro. Clique e leia

Comentários

  • Fernando -

    Só a ignorância cria o ódio entre os homens. A ciência os une. Uma beleza, um bom exemplo.

  • Marcelo -

    Nada de mais. É tudo parte da mesma patota, junto com os EUA.

  • Antonio -

    Obviamente é um trabalho científico árabe publicado em Israel, o contrário seria quase impossível. Todo mundo sabe a diferença que faz um governo democrata.

Ler 8 comentários