Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Apesar das críticas, EUA vão acelerar deportação de haitianos

A partir de desta quinta-feira, o governo de Joe Biden deve aumentar para sete o número de voos diários com imigrantes para o Haiti
Apesar das críticas, EUA vão acelerar deportação de haitianos
Reproduçao/CNN Brasil

O governo de Joe Biden deve acelerar a deportação de imigrantes haitianos, apesar das críticas internas e externas.

Campos improvisados em Del Río, no Texas, chegaram a abrigar 15 mil pessoas nessa condição. Desde domingo, as autoridades americanas enviaram de volta ao Haiti mais de 500 pessoas que estavam no local. Estavam sendo realizados três voos por dia.

A partir de hoje, o volume aumentará para sete voos diários. Com isso, pelo menos 1.000 haitianos serão deportados a cada dia.

O chefe do Departamento do Interior dos Estados Unidos, Alejandro Mayorkas, conversou com a vice-presidente Kamala Harris por telefone e disse que as denúncias de maus tratos serão investigadas.

Autoridades do Haiti dizem não ter recursos para receber os cidadãos, muitos dos quais deixaram o país há uma década. O então presidente do país, Jovenel Moïse, foi assassinado em julho, e um terremoto matou ao menos 2.100 pessoas.

Mais notícias
TOPO