ACESSE

Após casos suspeitos de Covid-19, França fecha 70 escolas

Telegram

Acompanhe nossas notícias também pelo Google Notícias.

Acesse nossa página no serviço de notícias do Google e clique em SEGUIR ou no ícone

Uma semana depois de as aulas terem sido retomadas em grande parte do país, a França decidiu fechar 70 escolas em função do surgimento de casos suspeitos da Covid-19, informou nesta terça-feira o Ministério da Educação do governo francês.

Segundo a pasta, ainda não há confirmações de infecções pelo novo coronavírus, mas as suspeitas já são suficientes para que algumas instituições voltem a fechar as portas por tempo indeterminado.

“Isso pode acontecer, é até normal, quando o país começa o complicado processo de reabrir sua economia e aliviar algumas medidas de isolamento social. Nosso objetivo é não gerar um novo aumento de infecções”, afirmou o ministro Jean-Michel Blanquer.

Desde a semana passada, cerca de 40 mil escolas foram reabertas na França.

Leia também: Bolsonaro: "Vou interferir. Ponto final"

Comentários

  • Bertão -

    Começo a achar que a Suécia está correta.

  • Edu_Brasil -

    É a segunda onda. Não tem como escapar. Se tivesse sido no Brasil, a imprensa do ódio estaria publicando muita bobagem sobre o governo Bolsonaro.

  • OBSERVADOR🇧🇷 -

    Fora bolsolula

Ler 36 comentários