Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bannon alega inocência e será solto após pagar fiança de US$ 5 milhões

O estrategista político Steve Bannon se declarou inocente da acusação de que teria desviado dinheiro arrecadado para a construção de um muro na fronteira com o México. Ele foi preso nesta manhã e será solto após pagar fiança de US$ 5 milhões.

Bannon responde por associação criminosa para cometer fraude eletrônica e associação criminosa para cometer lavagem de dinheiro. Cada acusação tem pena máxima de 20 anos de cadeia.

Os investigadores denunciaram Bannon e três outras pessoas por “orquestrarem um esquema para cometer fraude contra centenas de milhares de doadores” da campanha de crowdfunding ‘We Build the Wall’, lançada em 2019 e que arrecadou mais de US$ 25 milhões para supostamente ajudar a construir um muro na fronteira dos EUA com o México.

O promotor Nicolas Roos disse que Bannon foi preso por volta das 7h15, horário local, em um “iate” na costa do Connecticut. Ele foi levado a Nova York.

Um juiz federal decidiu soltar Bannon mediante pagamento de fiança de US$ 5 milhões. As viagens de Bannon serão restritas a Nova York e à capital Washington. Ele não poderá usar aviões ou barcos particulares sem autorização da Justiça.

Mais cedo, a CNN americana informou que Bannon foi preso no iate de um dissidente chinês, Guo Wengui.

Um dos parceiros de Bannon, Brian Kolfage, já foi solto, de acordo com sua esposa Ashley, uma estrela do aplicativo TikTok.

Na foto abaixo, Brian Kolfage e Steve Bannon:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO