Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Biden diz que pedirá ao Congresso para dobrar fundo de mudanças climáticas

A decisão final será dos parlamentares dos EUA, que trabalham em uma lei orçamentária de US$ 3,5 trilhões
Biden diz que pedirá ao Congresso para dobrar fundo de mudanças climáticas
Reprodução/Nações Unidas/YouTube

Joe Biden anunciou nesta terça (21) que pretende dobrar para mais de US$ 11 bilhões por ano o orçamento destinado a ajudar países em desenvolvimento no combate às mudanças climáticas.

“Em abril, anunciei que os EUA vão dobrar nosso financiamento internacional público para ajudar países em desenvolvimento a enfrentar a crise climática, e hoje tenho orgulho de anunciar que vamos trabalhar com o Congresso para dobrar esse número de novo, inclusive para [pagar] esforços de adaptação”, disse o presidente dos Estados Unidos, em seu primeiro discurso à Assembleia Geral da ONU.

A decisão final será do Congresso, que está trabalhando em uma lei orçamentária de US$ 3,5 trilhões.

Em abril deste ano, Leonardo Martinez-Diaz, assessor do enviado presidencial John Kerry, disse no Twitter que os Estados Unidos mantiveram, durante parte do  governo Obama, um fundo internacional de cerca de US$ 2,8 bilhões por ano. No mesmo mês, Biden prometeu dobrar esse gasto, para cerca de US$ 5,6 bilhões por ano. Se ele for dobrado novamente, portanto, chegará a mais de US$ 11 bilhões por ano.

“Com o aumento de nosso apoio, juntamente com o aumento do capital privado e de outros doadores, poderemos alcançar a meta de mobilizar US$ 100 bilhoes para apoiar ações climáticas em países em desenvolvimento”, acrescentou Biden.

Leia maisMeio Ambiente não informa se aderiu a iniciativa de Biden de US$ 1 bilhão para florestas

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO