Biden diz que seu gabinete está pronto para "liderar o mundo, não retirar-se dele"

Biden diz que seu gabinete está pronto para “liderar o mundo, não retirar-se dele”
Foto: Divulgação/Joe Biden/Facebook

Joe Biden apresentou oficialmente nesta terça (24) seis das pessoas que pretende indicar para sua equipe de segurança nacional.

Biden disse que juntos eles vão restaurar a liderança dos Estados Unidos no combate ao terrorismo, extremismo, mudanças climáticas e proliferação nuclear. O registro é do New York Times.

“A América está de volta”, disse o presidente eleito, em um palco de um teatro em Wilmington, no Delaware. Biden acrescentou que seus potenciais secretários estão “prontos para liderar o mundo, não retirar-se dele”.

Uma ausência importante foi a de um indicado para chefiar o Pentágono. Biden ainda não anunciou quem quer para secretário de Defesa.

Biden destacou algumas nomeações de “primeiros”, como Avril Haines, que pode ser a primeira mulher a chefiar a CIA, e Alejandro Mayorkas, que pode se tornar o primeiro latino e primeiro imigrante a chefiar o Departamento de Segurança Doméstica.

A maior parte das indicações para o Gabinete do presidente dos Estados Unidos depende de confirmação do Senado. Ainda não está definido qual partido terá maioria no Senado no começo do governo Biden. Vai depender do resultado de duas eleições na Geórgia, em 5 de janeiro.

A Administração de Serviços Gerais (GSA) autorizou ontem a transição. Ainda não se sabe se Biden já tem acesso aos briefings de segurança. Nos Estados Unidos, os briefings para o presidente são compartilhados com o presidente eleito durante a transição.

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 20 comentários
TOPO