ACESSE

Bolívia cobra Argentina por declarações de Morales

Telegram

Em um comunicado divulgado nesta quarta-feira, a Bolívia pede que a Argentina repudie as declarações e atitudes de Evo Morales — ex-presidente do país que recebeu asilo político do governo de Alberto Fernández.

“Pedimos ao governo argentino para repudiar as práticas de Evo Morales, incompatíveis com a lei e a ordem pública internacional”, diz a nota da chancelaria boliviana.

“Preocupa-nos que Evo Morales induza a República Argentina a infringir normas e princípios internacionais.”

Em entrevista à Reuters, Morales defendeu as “milícias populares armadas” na Bolívia, a exemplo da Venezuela.

AS NOVAS SUSPEITAS CONTRA RENAN. Leia aqui

Comentários

  • Virgolino -

    Toscos como os demais, em ótima companhia , Venezuela, Cuba etc

  • Marcio -

    Com esse governo da esquerda a Argentina logo logo vai se tornar uma Venezuela. Aguardem.

  • Gonçalo -

    Milícias armadas lembram os Camisas Pretas de Mussoline e a Sturmabteilung de Hitler. Evo quer a sua e Maduro tem a dele. Não são esses que chamam os outros de facistas? Pois é...

Ler 15 comentários