Boris Johnson anuncia lockdown no Reino Unido e aponta vacina como saída

Boris Johnson anuncia lockdown no Reino Unido e aponta vacina como saída
Reprodução/Sky News

Boris Johnson anunciou nesta segunda-feira (4) um novo lockdown no Reino Unido, que vai durar até março. É a terceira vez em que uma medida do tipo é adotada.

Hoje mais cedo, a primeira-ministra Nicola Sturgeon já havia anunciado um lockdown na Escócia, um dos quatro países que formam o Reino Unido.

Em discurso na televisão, Johnson pediu aos britânicos para ficarem em casa. O lockdown começa imediatamente.

Os britânicos devem sair de casa por apenas cinco motivos: se for impossível trabalhar de casa, para compras essenciais, para fazer exercícios, para cuidar de outras pessoas, e para atendimento médico.

Johnson acrescentou que a vacinação pode fornecer uma rota para sair do lockdown, talvez em meados de fevereiro. Ele desafiou o NHS (o ‘SUS’ britânico) a vacinar 13,2 milhões de pessoas até meados do mês que vem. A conta inclui todos os maiores de 70 anos, os chamados trabalhadores da ‘linha de frente’, e as pessoas com vulnerabilidade.

Leia mais: Na edição especial do final deste 2020 tão desafiador, a revista tem a honra de publicar conteúdos de articulistas brilhantes e com atuação importante nas suas especialidades.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 21 comentários
TOPO