Cai o Meirelles argentino

Atendendo a pedido do presidente Mauricio Macri, o ministro argentino de Fazenda e Finanças, Alfonso Prat-Gay, apresentou sua demissão.

Prat-Gay obteve avanços como a negociação da dívida com credores, mas vinha sendo cobrado pela inflação (cerca de 40% neste ano) e déficit fiscal (4,2% do PIB, projeção para 2017) persistentemente altos.

A expectativa de crescimento da Argentina para o ano que vem: 3,5% (Henrique Meirelles espera…1%).

Faça o primeiro comentário