Candidato da guerrilha desiste na Colômbia

O ex-líder da guerrilha das Farc, Rodrigo Londoño, o Timochenko, anunciou hoje que desiste de disputar a Presidência da Colômbia.

Ele alegou problemas de saúde, mas o 1% de intenção de voto deve ter ajudado. Os colombianos não querem eleger um dos ex-líderes de um bando que matou centenas de milhares no país.

Comentários

  • FBI -

    Tem povo que aprende

  • X. -

    Que volte para o inferno, lugar de onde saiu.

  • Beth -

    Nós também não queremos eleger um líder de partido que destruiu milhões de empregos no Brasil.

Ler 23 comentários