Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Chile flerta com a esquerda radical

O candidato à frente nas pesquisas para a presidência do país defende acabar com os planos de previdência privados e revisar acordos de livre comércio
Chile flerta com a esquerda radical
Foto: Reprodução

O Chile terá pelo menos dois eventos políticos importantes nos próximos meses. Além das eleições presidenciais, em novembro, haverá ainda um referendo, no primeiro semestre de 2022, para que a população aprove ou não o texto de uma nova Constituição.

Nessas duas oportunidades, diz a Crusoé, o Chile tende a se inclinar para a esquerda radical.

O candidato que está à frente nas pesquisas para a presidência é Gabriel Boric. Ele promete, entre outras coisas acabar com os planos de previdência privados e revisar os acordos de livre comércio. Fala ainda em fixar o preço dos remédios e em proibir o lucro dos centros de formação técnica e profissional.

Leia mais aqui.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO