ACESSE

China se diz forçada a retaliar EUA após fechamento de consulado

Telegram

A China avisou hoje que se vê forçada a responder os Estados Unidos após o governo de Donald Trump determinar o fechamento de um consulado chinês em Houston, no Texas.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Wang Wenbin, afirmou que a medida causou severos prejuízos à relação dos países.

“Em resposta às ações irracionais dos EUA, a China deve dar a resposta necessária e garantir seus direitos legítimos. Isso está derrubando a ponte da amizade entre o povo da China e os EUA.”

Como mostramos, os EUA decidiram ontem fechar um consulado chinês no Texas, em uma nova escalada da crise entre Pequim e Washington.

O Departamento de Estados americano afirmou que a medida era necessária para preservar a “propriedade intelectual americana e as informações privadas dos americanos”.

A decisão foi tomada após o Departamento de Justiça dos EUA acusar dois hackers chineses de roubar informações sobre projetos de vacina contra a Covid-19.

Leia mais: 'Gilmar não vai derrubar Bolsonaro'

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 25 comentários