Cinco argentinos entre os mortos de Nova York

O Clarín informa que há cinco cidadãos argentinos entre os oito mortos no atentado em Nova York.

Os cinco (Hernán Mendoza, Diego Angelini, Alejandro Pagnucco, Ariel Erlij e Hernán Ferruchi) eram amigos que estavam comemorando na cidade americana seus 30 anos de formatura no Colégio Politécnico de Rosario —a cidade onde nasceu Lionel Messi, a cerca de 300 km de Buenos Aires.

Um sexto integrante da turma, Martín Marro, está internado, mas fora de perigo.

 

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 10 comentários
  1. QUER SABER DE UMA IRONIA ANTA ?
    ATÉ ONTEM A PAGINA DO CARA NO FB ESTAVA NO AR, DISPONIVEL, DEI UM PULO LA E QUASE NENHUMA POSATAGEM, DUAS FOTOS, POUCOS AMIGOS MAS LÁ EMBAIXO NO ROL DE ‘ESPORTES’ ESTAVA ESCRITO…ARGENTINA !

  2. Com a palavra o Obama e o papa, que dizem que o islamismos e a religião da paz.
    Estranho no governo do Obama o Estado Islâmicos assumiam os atentados, agora com o TRUMP eles não assumem.
    Sabem que o TRUMP não é bunda mole com o Obama, que na mesma hora já providenciaria uma tropa para dar o troco no E.I.

  3. Depois dizem que o Trump é um reacionário, intolerante e racista quando esse quer implementar um controle mais rígido na imigração daquele país para garantir maior segurança para os seus cidadãos.
    #esquerdamentirosa