Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Coca-Cola perde US$ 4 bilhões após gesto de Cristiano Ronaldo

O jogador português desdenhou do refrigerante durante uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira
Coca-Cola perde US$ 4 bilhões após gesto de Cristiano Ronaldo
Foto: Fernanda Sunega/ Prefeitura de Campinas

A Coca-Cola, que patrocina a Eurocopa, teve uma perda de US$ 4 bilhões de dólares depois de um gesto do craque português Cristiano Ronaldo durante uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira (14).

Duas garrafas de Coca-Cola haviam sido colocadas ao lado do jogador antes da entrevista. Cristiano as substituiu por garrafas de água, desdenhando do refrigerante.

O mercado abriu com as ações da Coca-Cola custando cerca de US$ 56,10. Meia hora depois, as ações apresentaram uma desvalorização de 1,6%, alcançando um valor mínimo de US$ 55,22.

A queda das ações fez a Coca-Cola ter uma perda no valor total de mercado de US$ 4 bilhões, caindo de US$ 242 bilhões para US$ 238 bilhões.

No ano passado, Cristiano Ronaldo já havia criticado o consumo de refrigerantes ao falar sobre a alimentação de seu filho mais velho.

Assista:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO