Colômbia proíbe contratos com a Odebrecht por dez anos

Um tribunal da Colômbia ordenou o pagamento de uma indenização de US$ 252 milhões pela Odebrecht e a inabilitou por dez anos para contratos com o Estado, informa a agência France Presse.

A decisão é de primeira instância –cabe recurso, portanto– e também se aplica aos sócios da empreiteira brasileira no país vizinho.

A sentença também suspende o contrato do projeto Ruta del Sol 2, a maior obra rodoviária da Colômbia. Investigações apontaram pagamento de propinas na licitação.

Até o general Hamilton Mourão já comentou a história do ex-motorista de Flávio Bolsonaro CONFIRA AGORA

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. adhemar disse:

    SuEgbm8gQm9zdGlsIHNlIGZheiBhY29yZG8gZGUgbGVuaepuY2lhLi4uSWdub23tbmlhLi4u

Ler comentários
  1. Giusti disse:

    RSBuZW0gcHJvY2xhbWFyIHEgbyBub3NzbyBTVEYg6SB1bWEgdmVyZ29uaGEsIGNvbW8gZCBmYXRvIOksIHBvZGVtb3Mu

  2. VitorH disse:

    RXN0428gbm9zIGVuc2luYW5kbyBjb21vIGZhemVyIGp1c3Rp52Eh

  3. patativa disse:

    TyBnb3Zlcm5vIGJyYXNpbGVpcm8gYmVtIHF1ZSBwb2RpYSBzZWd1aXIgbyBleGVtcGxvLiBBIE9kZWJyZWNodCBxdWUgc2UgZXhwbG9kYSEg

  4. EugeniaPositivaBrasi disse:

    SXNzbyBu428gZm9pIHVtIHRhcGEuIEZvaSB1bSBzb2NvLCBjb20gc29jby1pbmds6nMgbmEgY2FyYSBkbyBCcmFzaWwuIFF1ZSB2ZXJnb25ob3NvISBUZW5obyB2ZXJnb25oYSBkZSBzZXIgYnJhc2lsZWlybywgcG9yIHR1ZG8gcXVlICJmYXplbW9zIG91IGRlaXhhbW9zIGRlIGZhemVyIi4uLiA=

  5. Deni disse:

    SXNzbyBh7SDpIHF1ZSDpIGp1c3Rp52EuLi5kZXZvbHZlIHR1ZG8gcXVlIHJvdWJvdSBlIGZlY2hhIGVzc2EgcG9jaWxnYS4=