A conexão peruana da Odebrecht

Um promotor peruano pediu à Justiça brasileira para interrogar Marcelo Odebrecht sobre Keiko Fujimori.

O nome da líder da oposição no Peru –filha do ex-ditador Alberto– apareceu no celular de Marcelo, numa mensagem com os dizeres “aumentar Keiko para 500 e fazer visita”.

A Justiça peruana investiga o pagamento de US$ 29 milhões em propinas feito pela Odebrecht no país, entre 2005 e 2014. O caso já rendeu a prisão de um ex-presidente, Ollanta Humala.

Não custa repetir: no Peru, prendem-se ex-presidentes.

QUAL É O PAPEL DOS MILITARES NO NOVO GOVERNO? SAIBA MAIS AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Quem assistiu ao documentario sobre JJ Velasques na Netflix ( documentário , não o seriado ) , assinte que ele cita a Odebrecht aliciando politicos . Imaginem a fama dessa poderosa instituição .

Ler mais 8 comentários
  1. Quem assistiu ao documentario sobre JJ Velasques na Netflix ( documentário , não o seriado ) , assinte que ele cita a Odebrecht aliciando politicos . Imaginem a fama dessa poderosa instituição .