Coulibaly exige que os irmãos Kouachi sejam liberados

O terrorista Amedy Coulibaly, que mantém reféns numa mercearia judaica em Porte de Vincennes, em Paris, exigiu agora há pouco, segundo a Radio RTL, que os irmãos Kouachi, entrincheirados com um refém na região Seine-et-Marne, sejam liberados do cerco da polícia e possam escapar. Se a sua exigência não for atendida, Coulibaly disse que matará todos os reféns.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200