Covid-19: OMS demonstra preocupação com a Europa e defende isolamento de 14 dias

O diretor da OMS na Europa, Hans Kluge, demonstrou hoje preocupação com a aceleração da pandemia no continente.

No último dia 11, a Europa registrou recorde diário de novos casos: 54 mil.

“Os números de setembro deveriam servir de alerta para todos nós na Europa, onde o número de casos é superior aos registrados em março e abril.”

Catherine Smallwood, diretora de emergências da OMS na Europa, defendeu a recomendação do isolamento de 14 dias para os infectados — alguns países reduziram esse tempo.

“Nossa recomendação de quarentena de 14 dias está baseada em nossa compreensão do período de incubação e transmissão da doença. Apenas a revisaríamos com base em nosso conhecimento científico, o que não é o caso no momento.”

Leia mais: Sócios no desastre: a responsabilidade dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler comentários
TOPO