Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Covid: Vacina da Pfizer reduz em 86% infecções assintomáticas, diz estudo

Covid: Vacina da Pfizer reduz em 86% infecções assintomáticas, diz estudo
Foto: x3/Pixabay

A vacina da Pfizer contra a Covid reduz em 86% infecções assintomáticas, aponta uma pesquisa conduzida em Israel e publicada na revista científica Jama (Journal of the American Medical Association).

Participaram do levantamento 6.710 profissionais da saúde, dos quais 5.953 receberam ao menos uma dose do imunizante, 5.517 receberam as duas doses e 757 não foram vacinados.

De um total de mais de 16 mil exames RT-PCR realizados, 243 retornaram positivos, sendo que 149 deles foram para casos de Covid-19 sintomáticos e outros 94 foram para casos assintomáticos.

Entre os indivíduos vacinados, a incidência de infecção sintomática foi de 4,7 a cada 100 mil pessoas-ano, enquanto no grupo que não recebeu a vacina essa taxa foi de 149,8 a cada 100 mil. A eficácia da vacina foi calculada, portanto, em 97%, superando a taxa de 95%, anunciada no ano passado.

Já para os casos assintomáticos, a taxa incidência foi, respectivamente de 11,3 a cada 100 mil pessoas-ano nos vacinados e 67 a cada 100 mil pessoas-ano nos indivíduos não vacinados. O imunizante reduziu, portanto, em 86% os casos assintomáticos de Covid-19 nos indivíduos imunizados.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO