Cuba contra os videogamers

Telegram

A ditadura comandada por Miguel Díaz-Canel começou a perseguir os cubanos que usam redes sem fio para jogar games como Battlefield e World of Warcraft, relata Duda Teixeira na Crusoé.

A maior dessas redes é a Street Networks, conhecida como SNET e incorporada por Cuba à máquina estatal em julho.

Leia a reportagem:

MÉDICAS E MONSTROS: A TERRÍVEL HISTÓRIA DAS ESCRAVAS CUBANAS — INCLUSIVE NO BRASIL. SAIBA TUDO

A ditadura cubana contra os jogadores de videogame

Comentários

  • Alef -

    Meu deus, eu to vendo gente defendendo a perseguição ainda.., o povo cubano não tem liberdade, passa fome e agora nem se desligar do mundo e esquecer um pouco a diradura q eles vivem eles podem?

  • André -

    Interferência dos games produzidos pelos americanos imperialistas kkkkkk

  • Ryu -

    Lá o videogame é proibido, mas não o comunismo! kkkkkkkkkkkk

Ler 19 comentários