Cuba e a superlotação carcerária

Uma ONG calculou que Cuba tem hoje 123 mil presos, o que dá 1.071 presos para cada 100 mil habitantes –proporcionalmente, bem mais que o Brasil (334 por 100 mil).

A ditadura tem resolvido isso liberando detidos sem que eles tenham cumprido as sentenças. Menos os presos políticos, hoje estimados em 11 mil no país.

Leia a reportagem de Duda Teixeira na Crusoé:

Quatro em cada dez médicos cubanos que participaram de missões em outros países sofreram ou testemunharam abusos. CONFIRA AGORA

Como Cuba lida com a superlotação carcerária

Comentários

  • John -

    Em Cuba, e em todos os países socialistas, não existe Estado e Governo. Existe uma máfia criminosa paramilitar que toma o controle da nação. É Apocalypse Now total.

  • Oswaldo -

    Quer dizer que, comparativamente, Cuba tem mais vítimas da sociedade do que o Brasil? Aí M. do Rosário e Psol, vão para lá defender os bandidos cubanos.

  • Marcos -

    A gente podia mandar o Marcelo Freixo para fazer discurso contra cadeia por lá. De preferência com passagem só de ida.

Ler 19 comentários