#ElaNão

É curioso que a imprensa circule o nome da embaixadora Maria Nazareth Farani Azevedo como cotada para comandar o Itamaraty de Jair Bolsonaro.

Lelé, como é conhecida, foi chefe de gabinete de Celso Amorim e ascendeu na carreira na gestão do PT.

Filha do falecido José Farani – preso por sonegação fiscal em 2007 -, é casada com Roberto Azevedo, incensado diretor-geral da OMC.

Em sua gestão, Amorim fez ajustes administrativos para permitir que o casal ficasse junto em Genebra. Muito bem relacionados em Brasília, Azevedo e Nazareth emplacaram uma das filhas no CADE e outra na EBC.

Como representante do Brasil junto ao Conselho de Direitos Humanos da ONU, a embaixadora é acusada, nos corredores do Itamaraty, de ter feito ‘corpo mole’ no caso da reclamação de Lula, permitindo que ‘episódio do parecer’ tomasse proporções impensáveis.

Atualização: Em nota, a embaixadora reage

A grande imprensa está atrasada no episódio do convite de Bolsonaro a Moro... Imagine o que ela está deixando de revelar para VOCÊ LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 145 comentários
  1. Uma vez petralha sempre petralha. Conviveu com comunistas. Trajetória nada exemplar. Emplacou duas filhas configurando nepotismo. Ligada a ONU, entidade que demonstra ser de esquerda. ELA NÃO!!!

  2. Não parece uma escolha nada boa de fato. Ela é mais um funcionário protegido e mimado do Estado megalomaníaco brasileiro, e como tal, não desenvolveu o necessário para o cargo. PT demais, aliás

  3. Se ela foi chefe de gabinete do Celso Amorim, já esta desqualificada para assumir qualquer cargo de destaque novo BRASIL !!! Os petralhas vão continuar tentando manter suas “boquinhas” !!!

  4. Essa imprensa que vivia de mesada vai sucumbir sem sugar do Erário. Para queimar é só jogar a bola pra cima e dizer que é cotado. Notícia plantada pela boa “penetração petista”

  5. Atenção para dois nomes a serem defenestrados no CADE e EBC . Bom, EBC já vai ser “falido” de qualquer maneira. Não esqueçam do “bota fora” limpeza de uns 20 mil apadrinhados no mínimo

  6. Eu acabaria inclusive com a mamata do casal. Ela, embaixatriz em Dar es Salaam (Tanganica) e ele embaixador em Bamako (Maliu). Política do PT de aproximação com a África, efeito Amorim.

    1. aproximação com a Africa também através de Franklin Martins, principalmente as africas forradas de minas de diamantes.

  7. “Imprensa tradicional”??? Já sei, Folha, Veja, Globo, Carta etc etc etc, jornalistas petistas tentando emplacar mais uma “vermelha” nas Relações Exteriores! Queimaram a moça!!!

  8. Alem de não ser a candidata ideal, conseguiu ajeitar a vida dos parentes no serviço público, ou seja, sempre que tem oportunidades, os funcionários públicos se arrumam e arrumam para a família.

  9. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Bolsonaro já disse que quem nomeia ministro é ele não é disse me disse não … Então vamos parar de mimimi e aguardar o Presidente to postar nas redes sociais k

  10. Tem dedo da imprensa neste angu! Se é alguém do círculo do Celso Amorim, lógico que não tem parecer favorável do Bolsonaro. A imprensa facilita o processo de escolha ao informar motivo por não

  11. Sabotar o governo de Jair Bolsonaro, justamente perante estados estrangeiros, não dá. Se por um lado teríamos um pé na OMC, deve-se pesar o impedimento moral que a nomeação aponta. #ElaNao

  12. Impressiona como tem apátrida que nasceu no Brasil. Sugiro um plebiscito. Pátria Brasil, Ame-a ou Deixe-a; Até aqueles antigos jornalistas que pareciam pertencer á classe dos lúcidos se desmascar

    1. Convidados dizem que a embaixadora fez uma chupeta no Toffoli atrás da pista de dança e saiu com a cara toda lambuzada de suco de bilau…

  13. Só pode ser notícia saída da Folha, a máquina incansável de fake news. Está engraçado o desprezo dedicado pela imprensa a Bolsonaro, trata-o como se fosse um estúpido que não sabe nada. Vão

  14. A impressa brasileira faz essa jogatina de especulações e suposições, jogando nomes ao vento, com poder do microfone pra provocar, pra distorcer, pra enganar e depois cobrar tudo em dobro. lixo!!!