ACESSE

Espanhol fura quarentena para transar e é condenado

Telegram

Um homem de 53 anos foi condenado a pagar multa de 720 euros por furar a quarentena em Las Palmas, nas Ilhas Canárias.

A polícia o flagrou na porta da casa da namorada à 1h55 da madrugada de quarta (25).

Questionado sobre o motivo de ter deixado o confinamento, ele informou aos agentes que saiu de casa para manter relações sexuais com a companheira.

A juíza do caso o condenou por desobediência grave, uma vez que tinha conhecimento do decreto de 14 de março que impôs o confinamento obrigatório na Espanha.

Leia também: PANDEMIA: COMO SALVAR VIDAS — E A ECONOMIA.

Comentários

  • ANTONIO -

    Ele estava em confinamento e não em quarentena. Deixem de chacrinhagem!!!!!!

  • Paulo -

    Sacanagem, o cara só queria dar uma trepadinha.

  • Nilda -

    Ai tb já é demais, se os dous estavam de quarentema n deve ter nenhum problema.kkkkkkkkkk

Ler 15 comentários