EUA mantêm conversas com número 2 do chavismo, diz agência

Os EUA têm mantido contato com o número dois da ditadura venezuelana, Diosdado Cabello. A informação foi passada à agência Associated Press por um oficial sênior da Casa Branca e divulgada hoje pelo Washington Post.

Segundo a agência, Cabello se reuniu em Caracas em julho com um alto oficial da administração americana, e um segundo encontro está sendo planejado.

Aliados de Maduro têm buscado garantias de que não serão processados em caso de queda do ditador –e Cabello já foi acusado pelos EUA de tráfico de drogas e corrupção, entre outros crimes, registra a Folha.

O oficial sênior da Casa Branca nega apoio ao “número dois” e diz que o objetivo dos encontros é aumentar a pressão sobre o regime chavista.

Comentários

  • Noely -

    E vai morar na Flórida, rico e livre, e o resto que se phoda, costumaz comunista.

  • Heloisa -

    Cabello é o grande chefe de Maduro.

  • Marco -

    As reservas de ouro acabam agora em setembro aí é só questão de semanas pro ditador fugir pra gastar o que roubou.

Ler 10 comentários