Facebook cogitou apagar posts de Trump

Funcionários do Facebook tentaram convencer seu fundador, Mark Zuckerberg, a excluir posts de Donald Trump da rede social, por considerá-los uma incitação ao ódio contra imigrantes e muçulmanos.

Segundo o Wall Street Journal, Zuckerberg não permitiu que fossem apagados e a polêmica continua na empresa.

Faça o primeiro comentário