FBI caça 2º acusado de envolvimento em atentado

O FBI, a polícia federal dos EUA, procura informações sobre um segundo imigrante do Uzbequistão que pode estar envolvido no atentado de ontem em Nova York.

Muhammadzoir Kadirov tem 32 anos. Ainda não está clara qual é a sua ligação com Sayfullo Saipov, o terrorista uzbeque que usou um caminhão para atropelar e matar oito pessoas.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 11 comentários
    1. Na verdade é possível traduzir o nome. Os significados são:
      Muhammad = Luis Inácio; e
      Kadirov = da Silva
      Assim, Muhammad Kadirov significa em Usberquistão: “O mentor da desgraça ainda está livre”

  1. puxa se topasse com o cidadao eu atravessaria a rua e ligaria pras autoridades do mesmo jeito que faco quando vejo um vidaloka, oculos oakley e corrente
    o cara pode ate ser limpo mas niguem deixa de trancar a porta pq nem todo mundo eh ruim…

  2. Temer e Aloisio Nunes deveriam importar este tipo de cidadão para cuidar de algum membro da família deles!, que tal. Fronteira livres e soltas. Bolsonaro esta muito certo, este tipo de gente não deve entrar no país.

  3. Por isso é bom pegar esses animais vivos. Depois de extrair as informações, é só mandar lá para Guantánamo.

  4. Mais um sorteado no sistema macabro de vistos dos petralhas democratas americanos? Tem gente com PhD que nao consegue, por merito, visto para trabalhar nos States. Má, má, vem cá, vem cá, quem quer Green Card?, quem quer Green Card? Roda a roleta!

Os comentários para essa notícia foram encerrados.