Feliz Ano Novo

A última charge de Stéphane Charbonnier, editor-chefe do Charlie Hebdo, assassinado hoje:

“Até agora, nenhum atentado na França.
– Aguardem! Temos até o fim de janeiro para enviar nossas felicitações”