Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Filha do dono da Huawei pode ser libertada após acordo nos EUA

Meng Wanzhou, que é diretora da empresa chinesa, foi presa no Canadá em dezembro de 2018, sob acusação de usar a companhia para burlar sanções ao Irã
Filha do dono da Huawei pode ser libertada após acordo nos EUA
Divulgação

O Departamento de Justiça dos EUA fechou um acordo com a defesa da diretora financeira da Huawei, Meng Wanzhou, para que ela possa voltar à China, de acordo com informações do Wall Street Journal nesta sexta-feira, 24.

A executiva foi presa no Canadá em dezembro de 2018, a pedido de Washington, o que causou uma crise diplomática entre os dois países e o governo chinês.

A detenção ocorreu porque os EUA acusam Meng de violar as sanções impostas contra o Irã, usando a Huawei para negociar com empresas do país persa. A executiva é filha do fundador e CEO da empresa chinesa, Ren Zhengfei.

De acordo com o jornal americano, Meng participará de uma audiência virtual, na qual pode se declarar culpada em algumas das acusações.

Mais notícias
TOPO