ACESSE

Forças Armadas vão às ruas para conter violência na Bolívia

Telegram

As Forças Armadas da Bolívia anunciaram ontem à noite que estão realizando operações conjuntas com a polícia para tentar conter a violência das manifestações nas principais cidades do país.

Veículos militares de artilharia patrulham as ruas da região de El Alto, em La Paz, palco de protestos e vandalismo desde ontem, segundo o site El Deber.

Como noticiamos ontem, apoiadores de Evo Morales saíram às ruas e fecharam algumas das principais vias de La Paz. Muitos estavam com os rostos cobertos e carregavam pedaços de pau e pedras.

Segundo o comandante do Exército, Willians Kalimán, as ações dos militares se concentram, principalmente, em La Paz, Cochabamba e Yapacaní, onde foram registrados os protestos mais violentos.

Também ontem, Yuri Calderón, comandante da polícia boliviana, renunciou ao posto.

O NOVO 7 x 1 BRASILEIRO Leia aqui

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 11 comentários