Guaidó afirma que há infiltrados de Cuba e Venezuela nos protestos na América do Sul

O líder opositor venezuelano, Juan Guaidó, disse acreditar que haja infiltrados dos regimes da Venezuela e de Cuba nos protestos recentes que sacodem a América do Sul, informa a Folha.

Para ele, o objetivo é desestabilizar governos não alinhados à esquerda. “Temos fortes indícios de figuras infiltradas. Estamos investigando e há evidências, ainda que as manifestações de cada país tenham sua natureza própria e origens distintas.”

Segundo Guaidó, o presidente do Equador, Lenín Moreno, apontou que havia “elementos que não faziam parte do conjunto de manifestantes indígenas” nos protestos que deixaram oito mortos e mais de 1.300 feridos no país em outubro.

Na Colômbia, afirmou ele, “a ditadura de [Nicolás] Maduro está entregando ouro do arco mineiro venezuelano para financiar a guerrilha do ELN e para os dissidentes das Farc”.

 

Comentários

  • Fabiana -

    Ou seja, Guaidó considera que chilenos, bolivianos e colombianos são idiotas manipulados por cubanos e venezuelanos.

  • Palao -

    Nossa. O Maduro é o mais poderoso da América. Imagine só. Ele tem OURO de sobra pra gastar!!!!Kkkk

  • Carlos -

    GUAIDO, presidente do Bozo, do Trump e dos Antas. esqueci alguem.

Ler 37 comentários