ACESSE

Irã executa agente acusado de vender informações à CIA

Telegram

O Irã executou um ex-funcionário do Ministério da Defesa acusado de vender informações para a CIA, informou hoje o Judiciário iraniano.

Segundo o porta-voz do Judiciário, Gholamhossein Esmaili, o ex-funcionário Reza Asgari havia se ligado à CIA durante seus últimos anos no ministério e vendido informações sobre o programa de mísseis do Irã para a inteligência americana.

Asgari foi executado na semana passada, afirmou Esmaili.

Além deste caso, o porta-voz disse que uma sentença de morte para Mahmoud Mousavi-Majd, iraniano acusado de espionar para EUA e Israel, deverá ser cumprida em breve.

No ano passado, o Irã anunciou que havia capturado 17 espiões que trabalhavam para a CIA. Donald Trump tinha duvidado.

Leia mais: Comprovação do elo entre a Presidência da República e o gabinete do ódio complica Bolsonaro. Clique e leia

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 9 comentários