Israel reabre passagem na Faixa de Gaza

Israel reabriu hoje a única passagem para o trânsito de mercadorias na Faixa de Gaza, o que demonstra um relativo apaziguamento após semanas de tensão na fronteira com o território palestino submetido a um bloqueio, registra o G1.

Dezenas de caminhões atravessaram a passagem de Kerem Shalom (Kerem Abu Salem, em árabe), que estava fechada desde 9 de julho para a maior parte das mercadorias – incluindo combustível – como forma de represália por atos hostis palestinos procedentes do território e confrontos na fronteira.

Israel só vinha deixando passar as de caráter “humanitário – comida, medicamentos e material médico –, mas anunciou ontem que reabriria a passagem se a calma dos últimos dias continuasse.

“A tensão com Israel foi em reação ao aumento, na Faixa de Gaza, desde 30 de março, de uma mobilização contra o bloqueio israelense imposto há mais de dez anos e a favor do retorno dos palestinos expulsos, ou que fugiram de suas terras, quando se criou Israel, em 1948.

Depois dessa escalada, acertou-se uma trégua entre Israel e o movimento islâmico Hamas, graças à mediação do Egito e da ONU, segundo uma fonte próxima às negociações.”

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. VIVA BOLSONARO/MOURÃO 2018!!! disse:

    Israel, capital Jerusalém. Derrubem aquela abominação e reconstruam o Templo. Bolsonaro tem o compromisso de transferir a embaixada para lá.

Ler comentários
  1. Hamas atacava com foguetes e bombas disse:

    O Antagonista esqueceu de citar os mais de 150 mísseis e bombas caseiras lançadas contra Israel, diariamente. A fronteira foi fechada em represália ataques violentos do Hamas, com armas mortais.

  2. abn disse:

    "...se criou Israel, em 1948." A nação/povo de Israel existe a mais de 4.000 anos no mesmo lugar de hoje, apenas em 1948 a ONU criou em forma de lei a criação do Estado judeu.

  3. Bb disse:

    Nao eh bem assim.o egito tambem tem posto alfandegario com gaza, so q quse nunca esta aberto. G1 fake news.

  4. Joao disse:

    Esse conflito so acabara quando Israel tomar conta de toda a região e expulsar todos radicais terroristas.

    1. O indivíduo que assina como corja (14:08) faz parte da corja disseminadora de ódio e mentiras contra os judeus. Israel é vítima dos terroristas do Hamas. Aos israelenses, desejo felicidade infinita.

  5. Luis disse:

    Como é que se negocia com terroristas? Estamos falando do Hamas. ONU m4ldita.

  6. ISRAEL, a casa de Deus disse:

    Sem o desenvolvimento, tecnologia, trabalho e boa vontade de Israel, TODA a população da Palestina estaria sem emprego, sem água, sem medicamentos, sem energia, sem combustível. Pobres Diabos.

  7. ISRAEL, a menina dos olhos de Deus disse:

    Isis, Al Qaeda, Hamas, Talibã, Al Shabab, Boko Haram, Khorasan, Jemaah Islahiyah....TODOS grupos Terroristas Islâmicos e Israel é que é violento ?? A MENTIRA É O OXIGÊNIO DA ESQUERDA!!

  8. ONU, maldita ONU disse:

    Onde tem o "dedo" maldito da ONU, tem guerras, tragédias, mortes, destruição e desgraça. A ONU é o maior cãncer do mundo.