ACESSE

Jeffrey Epstein não foi monitorado como deveria

Telegram

O bilionário Jeffrey Epstein, encontrado morto em uma prisão federal em Manhattan no sábado, deveria ser monitorado pelos guardas a cada meia hora.

O procedimento, diz o jornal The New York Times, não foi seguido na noite anterior à sua morte.

Além disso, Epstein estava sozinho na cela depois de ter passado por um serviço de observação contra o suicídio. Essa decisão também violou o procedimento da prisão.

ATAQUE À LAVA JATO, ATENTADO À LIBERDADE DE IMPRENSA... ATÉ ONDE O HACKER FOI? Saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 41 comentários