Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Johnson pede que Brexit não ultrapasse 31 de janeiro

Após a União Europeia estender o Brexit até 31 de janeiro de 2020, Boris Johnson enviou uma carta a Bruxelas pedindo que não haja novo adiamento.

O primeiro-ministro britânico disse ainda que deve apresentar uma moção para a realização de eleições antecipadas à Câmara dos Comuns.

“Mas se o Parlamento resistir e não adotar a moção, quero pedir que os Estados membros da União Europeia indiquem claramente que não é possível outro adiamento [do Brexit] após 31 de janeiro”, diz Johnson na carta.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO