Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Justiça argentina anula ordem de prisão contra Cristina Kirchner

A Justiça da Argentina anulou hoje a última ordem de prisão contra a vice-presidente Cristina Kirchner, que ainda é alvo de oito processos, registra o Estadão.

A ex-presidente corria risco de ser detida por conta da investigação dos “cadernos da corrupção”, que analisa supostos subornos pela concessão de obras públicas durante o seu governo (2007-2015) e o de Néstor Kirchner (2003-2007).

A detenção preventiva de Cristina foi decretada em cinco procedimentos, mas nunca executada graças a seus privilégios como senadora e, agora, como vice-presidente –a prisão dependia da anuência do Congresso, que nunca foi dada.

O juiz que emitiu o mandado de prisão no caso dos “cadernos da corrupção” e em outros, Claudio Bonadio, morreu na semana passada.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO