Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Justiça da Bolívia manda prender ex-presidente adversária de Evo

Justiça da Bolívia manda prender ex-presidente adversária de Evo
Foto: Reprodução, Facebook

A Justiça da Bolívia ordenou nesta sexta-feira (12) a prisão da ex-presidente Jeanine Añez, adversária de Evo Morales —cujo poste, o ex-ministro da Economia Luis Arce, foi eleito presidente do país em outubro do ano passado.

Também foram emitidas ordens de prisão contra cinco ministros da ex-líder boliviana. O partido de Evo, o MAS, acusa a cúpula do governo anterior de ter causado mais de 30 mortes na repressão aos protestos que se seguiram à renúncia do líder indígena, em novembro de 2019.

“A perseguição política começou. O MAS decidiu voltar ao estilo da ditadura. Uma pena, porque a Bolívia não precisa de ditadores, e sim de liberdade e soluções”, escreveu Jeanine nas redes sociais.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO